Frente ambientalista da grande São Paulo

A Frente ambientalista dos municípios de Embu das Artes, Cotia, Itapecerica da Serra, Embu Guaçu e zona Sul de São Paulo compareceram na audiência publica da revisão da Lei da Guarapiranga. Movimentos ambientais e de moradia deixaram claro que estão juntos para por fim a grilagem, ocupação irregular e degradação dos mananciais!

Manifestação de estudantes de Embu das artes em defesa da Amazônia nessa sexta

Estudantes conclamam população a se unir em defesa do meio ambiente nessa sexta 30/08 no coreto da praça do largo 21 de Abril

Na sequencia das manifestações em defesa da Amazônia que tomaram o Brasil na ultima sexta feira(23) em várias cidades do país, Embu das artes terá sua primeira manifestação, convocada por estudantes, promete ser pacifica e apartidária.

O drama das queimadas que aflige a população nas reportagens mostradas pela imprensa, não é diferente da angústia de moradores de diversas cidades como Embu, que vem incêndios criminosos devastar áreas enormes. A estudante Rafaela destacou: “Queremos deixar claro que não aceitaremos os retrocessos ambientais acontecendo atualmente, não somente na Amazônia mas na região de Embu também. A juventude despertou pra esse problema vamos manifestar nossa insatisfação.”

A sensação de impotência para temas que muitas vezes estão distantes da população, muitas vezes diminui as mobilizações populares, mas a estudante Paola Nogueira Santos, acredita que a juventude tem a energia necessária chamar a atenção. “Acredito que seja essencial a participação de nós, jovens e estudantes, nessas causas. A gente precisa de cada vez mais pessoas engajadas e dispostas a representar a voz dos demais, só assim é possível, com a ajuda de todos, fazer com que a nossa voz seja ouvida. Não podemos ver um bioma tão grande e tão rico de espécies que é a Amazônia pegando fogo, e esperar pela boa vontade de quem está no poder, pra agir em relação à isso, por isso, vamos as ruas sim e vamos fazer barulho sim!”

Um dos organizadores enfatiza: “Fazer o ato em Embu das Artes, e ter ajuda de jovens incríveis e prontos para a luta em nossa cidade, é algo totalmente incrível e novo. Todos os jovens do Brasil deveriam reconhecer que a sua força e perseverança é incrível, podemos derrubar Presidentes, reformar um País, lutar por igualdade… toda essa nossa força deve nos unir e não nos separar, somos estudantes e temos voz!

O ato acontecerá dia 30/08 às 16:30 na praça de artes, no coreto e todos estão convidados a se juntar nessa mobilização pela natureza e levar seus cartazes.

A organização e execução é dos próprios estudantes.

Vagas para contratação para o projeto

A Sociedade Ecológica Amigos de Embu, por meio de financiamento obtido junto ao Fundo Estadual de Recursos Hídricos (FEHIDRO), projeto AT-COB-24, está contratando profissionais para realizar as etapas e atividades do referido projeto.

Serão contratados: 01 profissional de audiovisual, 01 técnico de análise águas, 01 Técnico para mobilização, 01 profissional de arquitetura/engenharia, 01 profissional da área de pedagogia/educação, 01 profissional da área de geoprocessamento e cartografia, 01 profissional da área de ciências da terra/hidrologia e 01 profissional da área de ciências biológicas.

Para se candidatar e obter informações sobre cada um dos objetos a serem contratados, as condições de participação, os critérios de julgamento, desempate, prazos, sanções contratuais, condições de pagamento, favor entrar em contato com a SEAE pelo telefone (11) 4781-6837 e/ou e-mail: contato@seaembu.org.

SEAE no Simpósio Brasileiro sobre Wetlands Construídos na UFMG

O 4º Simpósio Brasileiro sobre Wetlands Construídos foi realizado na Universidade Federal de Minas Gerais – UFMG, no auditório principal da Escola de Engenharia, Campus Pampulha, Belo Horizonte – MG, durante os dias 31 de julho a 2 de agosto de 2019.

A partir da iniciativa entre pesquisadores, oriundos de diferentes universidades e institutos brasileiros, que aplicam a tecnologia conhecida como wetlands construídos no tratamento de esgotos, deu-se a formação do Grupo de Estudos em Sistemas Wetlands Construídos Aplicados ao Tratamento de Águas Residuárias – Wetlands Brasil.

Este grupo tem como objetivo disseminar o conhecimento e as experiências brasileiras relativas à aplicação das diferentes modalidades de wetlands empregados no controle da poluição.

Durante o evento foram apresentadas as mais novas pesquisas brasileiras na área, bem como iniciativas de aplicação da tecnologia.

O projeto da SEAE “Plantando jardins filtrantes e boa” foi um dos escolhidos para apresentar seus resultados na categoria de banners.

Foi um momento único de aprendizado e troca de experiências com as maiores autoridades de ensino e pesquisa de todo Brasil.

A organização do evento deve liberar em breve a gravação online das palestras apresentadas.

Parque Tizo Jequitibá é inaugurado

Os moradores da Região Metropolitana de São Paulo ganharam nessa sexta-feira, 12 julho, mais uma opção de lazer para entrar em contato com a natureza. O Parque Jequitibá, antigo Parque Tizo, abriu os seus portões para a população, após a primeira reunião e posse de seu Conselho de Orientação.

O subsecretário de Meio Ambiente da Secretaria de Infraestrutura e Meio Ambiente, Eduardo Trani, conduziu o encontro e narrou toda a história da unidade, desde a compra da área que era destinada a habitação popular e um entreposto de abastecimento, até sua transformação em uma área de lazer, educação e preservação ambiental.

“O esforço em conjunto, em prol de um objetivo em comum, uniu a população e o poder público, que com sensibilidade atendeu a essa demanda por mais áreas verdes na região”, comentou Trani.

A abertura do Parque Jequitibá foi possível após a Secretaria de Infraestrutura e Meio Ambiente (SIMA) receber a área da CDHU (Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano do Estado de São Paulo). O parque será administrado pela SIMA por meio da Coordenaria de Parques e Parcerias (CPP).

A criação do parque se deu por meio de decreto publicado em março de 2006. Projetado com ênfase na sustentabilidade, o parque vai oferecer uma área de 1,3 milhão de m2 sendo a maior parte composto por floresta bem preservada.

Para Eunice Maria Silva, conselheira pela Associação Ecológica Amigos do Embu, a abertura do Parque consolida o sonho da população de ter no seu entorno um espaço com exuberante natureza voltado à educação ambiental. Já a arquiteta urbanista, Patricia Akinaga, que assina o projeto implantado, a abertura “é a resposta do governo à sociedade civil”.

O Conselho de Orientação é formado por representantes das secretarias da Educação, Desenvolvimento, Infraestrutura e Meio Ambiente e da Habitação/CDHU. A sociedade civil é representada pelas Associações dos Moradores do Petit Village; Etecetera e Tal; Ecológica Amigos do Embu; os Institutos Embu de Sustentabilidade; de Proteção Ambiental; além da Escola Municipal de Ensino Fundamental Teófilo Benedito Ottoni.

Serviço

O Parque Jequitibá possui estacionamento gratuito e abre diariamente das 8 às 17 horas, com opções de trilhas, espaço de leitura e ações de educação ambiental como oficinas e palestras.

A área do Parque pode ser acessada pela Rua Sapucaí S/N, Bairro Gramado, de Cotia ou somente para pedestres pela Rua Savério Quadrio 701, Bairro Parque Ipê, São Paulo.

Fonte: https://www.infraestruturameioambiente.sp.gov.br/2019/07/secretaria-de-infraestrutura-e-meio-ambiente-abre-parque-jequitiba/

Reunião CONSEG Embu Centro

CONVITE

Convidamos a todos para participarem da reunião do CONSEG Embu Centro.

Dia 16/07/2019 às 18h.

Local – ACISE – Alameda Fernando Batista Medina, 69 Centro.

✅🤝 A reunião terá participação do Rodolfo representando a SEAE, o 1º Tenente PM Duran da Polícia Militar Ambiental, bem como outras autoridades.

Entre os assuntos em pauta, prestarão esclarecimentos sobre o invalidamento do PLANO DIRETOR pelo Tribunal de Justiça do Estado de SP.

Participem!

Posse do conselho do Parque Jequitibá

Posse do Conselho de Orientação e para tratar sobre a abertura do parque. 

Data: 12.07.2019 – Início:10:00 – Término: 12:00h

Local: Parque Jequitibá – Rua Sapucaí S/N, Bairro Gramado, Cotia-SP.

– Apresentação da equipe da Administração do Parque;

– Posse dos conselheiros;

– Apresentação do Programa de Educação Ambiental pela Coordenadoria de Educação Ambiental e monitores ambientais;

-Estruturação da agenda de trabalho 2019;

A reunião contará com a presença do Subsecretário do Meio Ambiente Eduardo Trani da Secretaria de Infraestrutura e Meio Ambiente do Estado de São Paulo.